maconge_top

INÍCIO   |  MACONGINOS  |  POETAS DO REINO  |   ARTISTAS DO REINO  |  CEIAS E CONVÍVIOS  |  DOCUMENTOS  |  HISTÓRIA E ESTÓRIAS  |  EVENTOS  | PARTE INCERTA  |  MENSAGENS

Maconge Continuidade Berco do Reino

Fundado em 1939 no Liceu "Diogo Cão" em Sá da Bandeira - Lubango, Angola, MACONGE é um Reino Ideal, de Lenda, de Sonho, de Fantasia e de Fraternidade, sem limites territoriais - estende-se a todas as regiões e locais onde se encontre um Macongino - e, nestes "ilimites" geográfico-romântico-sentimentais, tem como principal e inalienável substrato, o Coração e a Saudade de todos os seus súbditos.

[in CONSTITUIÇÃO DO REINO]

 

Rei_Maconge_D_Caio_20 

Sua Majestade o Rei de Maconge

D. Caio Júlio César da Silveira IV

Primeiro e único Rei de Maconge, desde a sua fundação, em 1939. Em 22 de Maio de 1977 Ausentou-se para Parte Incerta.


[O QUE É O REI DE MACONGE]

 

Com o Rei Ausente em Parte Incerta, houve que assegurar a continuidade do Reino de Maconge

I VICE REI Nas Cortes Gerais de Coimbra de 28 de Maio de 1978, o Vice Rei e Grão Duque do Lubango D. Mário Saraiva de Oliveira, foi aclamado por unanimidade como Rei. No entanto, em atitude idealista, como lhe era característico, decidiu que continuaria a ser Vice-Rei e D. César permaneceria, embora em parte incerta, como Rei..

D. Mário ficou assim na história como I Vice-Rei de Maconge.

Foi D. Mário Saraiva de Oliveira I quem tomou sobre os ombros a ingente tarefa de continuar o espírito de Maconge no exílio, no chamado "ultramar europeu".

Uma odisseia que D. Mário deixou escrita, como legado a todos os maconginos:

[A ERA EUROPEIA DE MACONGE]


Depois de mais de 20 anos de reinado, D. Mário Saraiva de Oliveira Ausentou-se photo D_Olavo_I_zpsfb443b3d.jpg para Parte Incerta em 10 de Março de 1998.

Em 25 de Agosto desse ano foi eleito o Duque de Mocolocolo D. Olavo Nóbrega Machado Godinho, e investido como II Vice-Rei de Maconge, e assim elevado à dignidade de Grão-Duque.

Iniciando o seu mandato sob a égide da Constituição de 1993, D. Olavo I tomou como primeira tarefa a adaptação da Lei Fundamental aos novos tempos. Nasceu assim a Nova Constituição, aprovada nas Cortes Gerais de 29 de Maio de 1999.

[CONSTITUIÇÃO DE 1999]

O Reino de Maconge nasceu no ano de 1939 no Liceu Nacional de Diogo Cão, na cidade de Sá da Bandeira (hoje Lubango), em Angola, . E é nessa Cidade-Berço que se situam os Reais Paços de Maconge, solenemente inaugurados no dia 18 de Janeiro de 2003 por Sua Majestade o Vice-Rei D. Olavo I. SEDE MACONGE

Implantado em pleno coração do Parque de Nossa Senhora do Monte, o edifício-sede de Maconge começou por ser um pequeno pavilhão que, ainda no período colonial, foi a sede na Huíla do CITA - Centro de Informação e Turismo de Angola.

Mais tarde, numa visita ao Lubango de Sua Majestade o II Vice-Rei D. Olavo I, acompanhado por Sua Eminência o "Cardial" D. Adrega I, (visita que a foto documenta), Reais Pacos_Jul95_small_20iniciaram-se os contactos para a cedência do edifício em ruína.

Mas foi em 1998, na visita ao Lubango de Sua Majestade o I Vice-Rei D. Mário Saraiva de Oliveira I, quando era Governador da Província da Huíla o Macongino Don Kundy Payhama, que foram accionados os mecanismos legais para a sua cedência efectiva.

Seguiram-se quatro anos de trabalho intenso por parte de um grupo de maconginos residentes em Angola, que angariaram os meios, em dinheiro e materiais, a que juntaram alguns contributos de maconginos exilados no Ultramar Europeu.

 

     

[FOTOS DA INAUGURAÇÃO DOS REAIS PAÇOS]







                      
           O ADEUS AO SAPO
Recebemos dos Serviços do SAPO WEBPAGES, a comunicação de que, a partir do dia 1 de Julho de 2014, serão encerrados os serviços de Edição dos sites ali alojados.
Igualmente nos comunicaram que, no próximo dia 31 de Agosto de 2014 serão definitivamente eliminados todos os conteúdos dos mesmo sites.
O prazo que nos foi dado é relativamente curto para colmatar a lacuna, pelo que nos apressámos em contratar um servidor norte americano, comprovadamente fiável, ao qual adquirimos também um domínio exclusivo:
[reinodemaconge.com]
Estamos nesta altura a transferir todo o conteúdo, na esperança de que não se perca nenhuma informação deste sítio.
A evolução dessa transferência pode ser seguida dia-a-dia no que já hoje é "O NOSSO SÍTIO NA INTERNET":                                 
--------------    [http://reinodemaconge.com]--------------------
Clicar no nosso Emblema:
                                                 novo site Maconge        

http://reinodemaconge.com

GINGA MALAIA!




















Locations of visitors to this page
 

 

   
banner bottom